Ato simbólico contra a extinção do financiamento à AAUL
Ato simbólico contra a extinção do financiamento à AAUL

No dia 14 de julho, face a declarações da Reitoria da Universidade de Lisboa, com vista à possível extinção do financiamento à AAUL, juntam-se os estudantes desta estrutura à porta da Reitoria com vista à emissão de uma declaração conjunta contra a ação da última, deste gesto, de caráter simbólico, ficam algumas palavras: “É um gesto que vale como gesto, que vale como momento de suspensão do tempo para dizermos coletivamente: assim não. Para explicarmos coletivamente que amanhã já será tarde. A nossa presença nesta Alameda revela a União da Academia neste dia de grande significado para todos nós.


A Universidade é uma instituição secular com um passado que se confunde com a própria existência da Nação. Nos últimos séculos tem sido base fundamental de uma sociedade que recusa o destino de um país desqualificado e periférico. Não podemos voltar atrás. O que falamos hoje, não é um problema da Universidade ou da Associação Académica. O que joga hoje é um problema de Portugal e dos portugueses. Os estudantes têm herança do passado, mas tem também a responsabilidade do futuro. Nada poderão fazer se ficarem sem presente.”

  • instagram
  • facebook
  • twitter_edited
  • likedin_edited
  • youtube_edited