Smart Cities – O futuro das nossas cidades

O combate às alterações climáticas deixa de ser um assunto para as gerações futuras e, portanto, no âmbito do desenvolvimento sustentável a Associação Académica da Universidade de Lisboa traz um painel de ilustres convidados, nomeadamente a Professora Doutora Eduarda Marques da Costa, Doutor Tomás Donadio e o Diretor-Geral da Inframoura Engenheiro Paulo Patrocínio Reis ao debate “Smart Cities – O futuro das nossas cidades”. Este painel contará com a moderação do membro do conselho geral da AAUL, Ricardo Menor.


Alex Steffen no Ted Talk “The shareable future of cities” afirma que “é um objetivo crucial alcançar a meta de emissões de carbono zero”. Este afirma ainda que “se deve desenganar quem pensa que esta meta é alcançada apenas pela aposta nas energias renováveis, pois, apenas se está a preparar para não resolver o problema” das emissões de gases com efeito estufa. “O planeamento da cidade consegue determinar quanta energia será usada pela mesma”, a aposta deve ser feita no planeamento das cidades. Assim devemos “integrar a inteligência” nas nossas cidades.


O ritmo a que as urbanizações crescem derivado do aumento exponencial da população humana tornam urgente que se caminhe em direção ao conceito de “cidade inteligente”. A eficiência dos serviços por via da aposta tecnológica nunca teve uma importância tão grande.


De acordo com a Comissão Europeia, algumas das prioridades das “cidades inteligentes “são a mobilidade urbana sustentável, foco no cidadão, partilha de conhecimento e planeamento e gestão integrados (Comissão Europeia).

Esta sessão ocorrerá no dia 28 de fevereiro pelas 21:15h em direto no Facebook e Youtube da AAUL.

103 visualizações
  • instagram
  • facebook
  • twitter_edited
  • likedin_edited
  • youtube_edited