AAUL defende junto da Vice-Presidente da Comissão Europeia ensino presencial

Esta Conferência, cuja concretização é uma conquista da Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia, pretende dar voz ativa aos cidadãos e, em particular, aos jovens nas questões que considerem relevantes para o futuro da União Europeia.

Hélder de Sousa Semedo e Pedro Cecília | Sede da Presidência Portuguesa da União Europeia, Lisboa

A convite da Presidência Portuguesa da União Europeia, a Direção-Geral da Associação Académica da Universidade de Lisboa, representada pelo presidente da Direção-Geral, Hélder de Sousa Semedo e do vice-presidente do pelouro da Política Educativa, Pedro Cecília participaram na reunião sobre os jovens e a conferência sobre o futuro da Europa, que decorreu hoje no Centro Cultural de Belém em Lisboa.


Para além dos 30 jovens presentes, a reunião contou com a participação da Vice-Presidente da Comissão Europeia, Dubravka Šuica, do Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva e ainda a Secretária de Estado dos Assuntos Europeus, Ana Paula Zacarias.


Para o vice-presidente da política educativa da AAUL, no que toca ao programa Eramus+ importa reforçar os valores do programa, bem como aumentar as condições com os programas de mobilidade, no que toca à habitação e ao custo de vida real nos países europeus.


Adiantou ainda que no que toca aos planos da digitalização da União Europeia, e no que ao ensino superior diz respeito, importa não desvalorizar a componente presencial e humana que é uma universidade, independentemente da região europeia.


254 visualizações

Posts recentes

Ver tudo